Automobilität in Lateinamerika – eine historiographische Analyse

Autores/as

  • Mario Peters Universidade Federal do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.15460/jbla.56.152

Palabras clave:

Historiografia, automobilidade, América Latina, conflitos sociais, construção de estradas.

Resumen

Apesar da importância da posse de um carro e da onipresença do automóvel no cotidiano das sociedades latinoamericanas, por muito tempo os historiadores se engajaram pouco no estudo do tema da automobilidade. Contudo, na última década dedicaram-se ao estudo de assuntos relacionados ao automóvel. Esse desenvolvimento relaciona-se com tendências atuais na pesquisa internacional sobre a história da mobilidade, as quais discuto na primeira parte deste artigo. Na sequência analiso o estado da arte sobre a história da automobilidade na América Latina, focando nos seguintes aspectos: a formação de culturas automobilísticas nas primeiras décadas do século XX, os conflitos sociais em torno da automobilidade e a construção de estradas. Na última parte, apresento algumas perspectivas para pesquisas futuras e como estas podem contribuir para o avanço da historiografia sobre América Latina num sentido mais amplo.

Descargas

Publicado

2019-12-20

Cómo citar

Peters, M. . (2019). Automobilität in Lateinamerika – eine historiographische Analyse. Anuario De Historia De América Latina, 56, 369-395. https://doi.org/10.15460/jbla.56.152

Número

Sección

Artículos

URN